Páginas

sexta-feira, 10 de junho de 2011

Nefastos e Deletérios

Não bastasse o poder no Rio surfar na onda demagógica das tragédias (estado e município) e mandar, o estado (com letras minúsculas mesmo), baixar o pau nos bombeiros, agora é a vez do senado (também com minúsculas), na fala de um traste criado em deletério movimento estudantil, além de outro inqualificável, surfar nos efeitos de um “habeas”.
Segue matéria de Pedro Dantas, estadão.
Está na hora de dar um basta nesta turminha de cafajestes.


Parlamentares do Rio apressam projetos para anistiar bombeiros


Parlamentares do Rio apressam projetos para anistiar bombeiros
"Bombeiros comemoram soltura dos 439 manifestantes presos no útlimo domingo, 5"
RIO - Após o habeas corpus, os políticos apressaram a elaboração de projetos para anistiar os bombeiros de processos criminais e administrativos. Pelo menos cinco projetos de anistia serão apresentados no Senado Federal, na Câmara dos Deputados e na Assembleia Legislativa do Rio.
O senador Lindbergh Farias (PT-RJ) disse nesta sexta-feira, 10, que aprovará na próxima semana uma emenda à Lei nº 12.191, do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que anistiou militares de nove estados punidos por movimentos reivindicatórios em 1997, e ampliará o benefício para os bombeiros que participaram dos protestos este ano no Rio.
'Conseguiremos aprovar esta emenda na próxima semana. As famílias estão apavoradas com a possibilidade de processos contra os manifestantes', afirmou o senador. Na Câmara dos Deputados, pelos menos três projetos de Lei para a anistia circulam. O deputados do PSOL Chico Alencar e Jean Willys, do Rio, e Ivan Valente, de São Paulo, concluíram um projeto de Lei.
O deputado Alessandro Molon (PT-RJ) também anunciou que elaborava um texto semelhante, assim como o deputado Anthony Garotinho (PR-RJ). Na Assembleia Legislativa do Rio, 25 deputados, das mais diversas correntes políticas, assinaram uma proposta de Emenda Constitucional para anistiar os servidores no âmbito estadual.

2 comentários:

  1. Jaba...

    Pura demagogia dos amigos, partidários e apoiadores do repressor Cabral. Agora, para angariar votos e aparecer na mídia como amigos de trabalhadores, se posicionam contra a punição dos bombeiros. Todos em busca de votos em novas bases..até o anormal com sobrenome de jeep, busca um novo filão eleitoral, até pq., a viadagem dá outa coisa e não é voto! Ainda não li nenhum dos defensores da classe trabalhadora se posicionar contra certo deputado multimilionário, nordestino, que manteve escravos em uma fazenda... mas isto deve ser pq. é no nordeste e os bombeiros são do RJ (berço dos novos políticos da velha escola de fazer política).
    Não vou deixar meu posicionamento contra Cabral, PT e toda canalha política deste país, se sobrepor a lei e a ordem.
    Se os bombeiros invadiram, quebraram, danificaram, que paguem não pelo que fizeram mas pelo que não fizeram.
    Para quem estava cometendo um crime, custava cortar a cabeça da serpente?

    Sicário

    ResponderExcluir
  2. olá sicário,
    por essas e outras, é que disse já ser hora de dar um basta nesta turminha de cafajestes.
    seu comentário vai lá para a página central.
    abs.,
    jaba

    ResponderExcluir