Páginas

quarta-feira, 18 de abril de 2012

Dona Ideli

Notícias recentes dão conta que a Comissão de Ética Pública irá examinar a conduta da então dona da Pesca, na compra de várias lanchas de recreio.

A Comissão é a mesma que não deu em nada nos casos Erenice e Palocci, este então que se foi, pelo menos aparentemente, das hostes governamentais pela segunda vez, quando descoberta a mágica do rápido enriquecimento.

Talvez esta notícia rivalize com a proposta de agravamento da pena mínima para crimes de corrupção, vinda de uma subcomissão lá da Câmara dos Deputados, ou com o elogio da dona Hillary a prócer da continuidade, qual seja, o de que esta estabelecera um padrão global de combate à corrupção (essa é muito boa! afastando-se, claro, o sarcasmo), e sirva de inspiração para renovação/atualização da propagando atual do Banco do Brasil, pela qual se incentiva os incautos a se encalacrarem no financiamento para compra de veículos novos - a propaganda é só isso - tal como feito na época criminosa da "marolinha".

A atualização poderia ser: "Além dos automóveis, agora todo brasileiro pode ter a sua lancha de recreio, mesmo que não seja para a pesca e more no interior, banhado por riachos!"

Nenhum comentário:

Postar um comentário