Páginas

segunda-feira, 25 de março de 2013

Política vil ...


Dilma (parece que convertida) e Cabral, hoje, em Petrópolis, para participarem de missa em memória das vítimas das chuvas, após sobrevoarem a área atingida.

Espero que aproveitem o ofício religioso, e peçam público perdão pelas mortes que causaram.

Tragédia não se mistura com "lágrimas" de vil politica.

2 comentários:

  1. Desde quando comunistas tem sentimento por pessoas ???? Agora se uma hiena deles morre,,,,o mundo desaba. Comunistas nao tem sangue nas veias e sim vinagre,,,Gostaria que voce e todos vissem e divulgassem como eu, esse documenta'rio " CAMP 14 TOTAL CONTROL ZONE " Director: Marc Wiese. Cast: Shin Dong Huyk, Hyuk Kwon e Oh Yangnam. Com duracao de 1:41 minutos. --- E' a vida de um rapaz nascido em um campo de trabalho forcado comunista, da Coreia do Norte, que por milagre conseguiu fugir. Ele nunca tinha visto dinheiro, roupas coloridas, comidas como galinha, porco etc. pois so' comia uns tipo de pasta servido no campo . Quando tinham a sorte de aparecer um rato, era uma festa. Ele descreve o sabor do rato. Ele, como os outros, foram doutrinados para entregarem os pais e irmaos se soubessem de algo estranho, e o fez. Ele entregou a mae e o irmao, por roubarem comida,,,, resultado assistiu o enforcamento da mae e fuzilamento do irmao, junto com seu pai ao seu lado. Isso foi agora, e nao 50 anos atra'z. A legenda ta em ingles. --- Acho que nao tem em portugues e vi no NetFlix. Nao ha' literalmente diferenca dos campos Nazista. E quando o porco assasino da Coreia do Norte, Kim Jong-il morreu, eu soube que teve muitas autoridades do PT, PCB, PSOL e outras putaiadas, chorando. Vou morrer com 96 anos sem entender a estupidez humana.

    ResponderExcluir
  2. Olá Berto pernambuco,
    Como a "coisa" andou fazendo turismo no Vaticano e se prestou à participar de uma missa em homenagem às vítimas lá de Petrópolis, surgiu a esperança "senil" do início de um processo de conversão - respeito e honra.
    Sendo esperança "senil", claro que ficou no imaginário: do vil nada vem que não seja vil; presença em tragédias sugere "ganhos políticos", nas mentes dos sem caráter.
    A inqualificável dupla esteve por aqui, no desastre passado, com suas hipócritas consternações públicas. Resultado da "aparição": as vítimas continuaram vitimas, e os mortos ... - por respeito a eles não vou terminar a frase.
    Quanto ao documentário, não o conhecia. Tentarei assisti-lo. Obrigado pela sugestão.
    Abs.,

    ResponderExcluir