Páginas

sábado, 19 de dezembro de 2015

Feliz natal e um 2017 venturoso para todos ...

Feliz natal, e um 2017 venturoso para todos, é o que desejo, do fundo d'alma.
O cartão que se segue, cujo original foi pintado com a boca - é do pessoal com deficiência, que pinta com a boca e os pés - se intitula "Os pastores".
Que Deus abençoe os seus lares.

sexta-feira, 18 de dezembro de 2015

Tirando a roubalheira ...

Tirando a roubalheira que levou o País e suas empresas à bancarrota, à briga entre bandidos no poder, pior do que guerra entre traficantes por território, às duvidosas decisões Suprema, à "absolvição" de criminosos que incorreram no crime de sonegação fiscal, lavagem de dinheiro e outros, bastando, apenas, pagarem 15% de imposto e 15% de multa, às tentativas de passar para o contribuinte o ônus da desgraça provocada por um desgoverno corrupto, sem credibilidade e totalmente incompetente, à troca de seis por meia dúzia, na pasta da fazenda, já com seus reflexos negativos no mercado, a única coisa que deu certo, nestes 13 anos de total destruição do País, foi o Programa Mais Merda, nisso são absolutamente competentes e inigualáveis.

terça-feira, 1 de dezembro de 2015

Bando de vagabundos ...

Bando de vagabundos, é o mínimo que se pode dizer da Praga Tupiniquim e daqueles que a ajudaram a se disseminar por todo o País, políticos e não políticos.
Hoje, em qualquer nível de poder, se fala em recursos faltantes para cumprir com suas mínimas obrigações.
E nóis, foda-se ...
Decreto de hoje, ou de ontem, fala em calote do troço que é o Governo, com relação à luz, água e telefone, durante o ano de 2016, entre outras ...
Vou dizer para a turma que também vou dar o calote. E como fica?
Com relação aos bandidos, se fazem acordos no MPF e na CGU, mas envolvendo as empresas.
Ocorre que, PJ (pessoa jurídica) é ficção, ela existe por conta do CNPJ e daqueles que a administram.
Aqueles que a administram, quando a usam para a prática de crimes, respondem, eles próprios, com seu patrimônio, pelos crimes praticados.
Até agora, nada se falou sobre isso.
Tirando um ou outro, nada se falou com relação às pessoas físicas que cometeram os crimes, apenas se fala com relação às empresas, que nada têm a ver com os crimes praticados sob o seu nome.
Desfaçatez maior, como se noticiou ontem, é essa turma acionar a Petrobrás, por conta de atraso de pagamentos contratuais ...
Quando esta merda chegará no patrimônio destes criminosos?
Qual será o legado deixado por este bando de vagabundos, ao longo dos seus anos de poder e imensurável roubalheira?
A destruição do País.

domingo, 13 de setembro de 2015

Imposto x Investimento ...

Talvez a proximidade provoque, por osmose, pérolas tais como - palavras do ministro fazenda - a de que o País vive "ressaca" ou a de que pagar imposto é investimento, a última, entre outras, a melhor delas, de dias atrás.
Gostaria de saber qual seria a taxa de retorno, além da diversificação da carteira "impostos", em aplicações nacionais e internacionais, para decidir se vale a pena investir nessa nova modalidade de investimento ou continuar alocando meu suado dinheiro em aplicações mais honestas, as que o mercado oferece.
Até hoje desconhecia que investir em bandido, mesmo não fazendo parte do nefasto grupo, proporcionaria bons retornos, como se diz, vivendo e aprendendo ... De ressaca, já estou há muito tempo ...
Como se sabe, a crise da falta de grana foi provocada por 13 anos de roubalheira e corrupção, somados à destruição das instituições e das principais empresas do País, além de exorbitantes gastos ideológicos, sejam aqui ou no exterior, chegando ao ponto de o País assumir, recentemente, a pecha de caloteiro, mau pagador. Até a Caixa, contra eles, está movendo processo, R$ 274 milhões. Falta  o Banco do Brasil, talvez, também, interesses outros ... Investidores de infra-estrutura já pensam em cair fora ...
O governo, corrupto e incompetente, junto com os políticos e não políticos, deve assumir o que praticou, devolvendo o dinheiro roubado, cumprindo seus deveres constitucionais e reduzindo drasticamente os seus gastos, não passando para a sociedade a conta de sua incompetência e de seus crimes. Guatemala surge como um bom exemplo, para se dar fim à contumaz vergonha e a falta de vergonha .. EUA e Suíça, na mesma linha. Talvez o STF tenha vergonha de si próprio ... Pedir muito?!
Executivo e Legislativo já perderam sua credibilidade, até o Supremo e o Eleitoral também não ficam para trás...
E por aqui vamos nós, na mesma tecla, e na mesma vergonha ...
Enquanto isso, o Supremo discute se o País se torna ou não um País de drogados, como se já não bastasse considerar constitucional, sob a justificativa da liberdade de expressão, a apologia ao consumo da droga, com a marcha da maconha ...


E tome aumento de impostos e CPMF mais uma vez, e mais drogas ... 

quarta-feira, 9 de setembro de 2015

Aos áulicos do crime ...

Recado do Fundamentalista Paraibano, também conhecido por Zé Paraíba, o Rei do Cangaço, aos áulicos do crime, por conta da contumaz destruição de Pindorama:
seus arretado fio duma égua, estamo mandando ogivas de macaxera (fundamentalista com evolução tecnológica) para explodir os fundo de suas cabeça de merda, modo acabar com a robalera desavergonhada, seus corno safado, baitola duma peste. Aqui é tudo caba maxo, vamo furá vocês com pexêra, arrancá teus saco e custurá que num tem. Num carece avexar, vai tudo prus inferno e vamo tomá cachaça no redó desses corpo podre, de carcaça bichenta, seus fio do cão.

sábado, 15 de agosto de 2015

Prófugos e Trapaceiros ...

Olhando para um país conhecido por rfpt, prófugos e trapaceiros, vagabundos, bandidos e ladrões o governam e cuidam de seus interesses já se vão 13 anos ou mais, nos quais, destruindo seus valores, suas instituições, suas empresas, matando seus cidadãos, corromperam todo sistema constitucional e suas obrigações não só como "governo", falindo o referido país, procurando esconder os seus crimes sob o manto da crise política, que busca camuflar a crise econômica, que busca camuflar o status criminoso que a elas deu causa, e ainda falam em "pegar em armas", na defesa destes mesmos crimes.
Mas não satisfeitos, utilizando-se de subterfúgios para controlar as crises por eles provocadas, escorcham a sociedade com aumento de impostos e penalizam aqueles que buscam um resto de vida com dignidade, e ainda justificam seus atos sob o argumento da "segurança jurídica", o qual, por nada valer, ainda mereceram uma segunda chance, por mais que sejam 15 ou 30 dias.
Uma sociedade deve saber dos seus valores e por eles lutar, a fim de que prevaleçam sobre toda e qualquer iniqüidade e criminalidade,
Amanhã, neste país, ora conhecido por república fedida dos prófugos e trapaceiros, haverá uma manifestação, da qual se espera, se defenestre, para sempre, no limbo da podridão, toda essa corja que aniquilou um antes País respeitado e honrado.

domingo, 26 de abril de 2015

Quanto custa ser honesto?

Quanto custa ser honesto?
Quanto custa a honestidade?
Quanto vale a sua honestidade?
Talvez o que foi roubado da Petrobrás, sem contar outras fontes, como o Banco de Fomento, Bancos oficiais, Fundos já sem fundos, Fundos Partidários (excrescência), mensalões e mensalinhos, estádios de futebol, desvios incontáveis e dos mais variados, assessorias "mandrakes", arrochos travestidos de ajustes, mais aumentos de gastos imorais nos poderes, entre outras ignomínias, e tome mazelas ...
Com grana e a suprema impunidade, qualquer bandido se diz e se faz passar por honesto e, no mais, a vaca vai para o brejo ...
O País se tornou refém de vagabundos e ladrões da pior espécie - como se vagabundos e ladrões, mais os cafajestes, tivessem outra espécie - , espécie que destrói tudo a sua volta, espécie que já deu causa e motivo para o seu extermínio, basta ler a "Carta", ao invés de se ficar com ilações e prosopopeias ... 
Mas, a sua honestidade, quanto vale?
Nos idos, como dizem aqueles que gostam de escrever, o homem desenvolveu as suas habilidades e inteligência, para sobreviver em um mundo recheado de bestas feras.
À medida em que tais habilidades foram desenvolvidas, com o estabelecimento dos primeiros agrupamentos, ou seja, das primeiras "sociedades", e na medida em que a comunicação também seguiu o seu crescimento, surgiram os primeiros sintomas que levaram à derrocada do homem, como inveja, mentira, corrupção, cafajestice, roubo, assassinato entre tantas outras conhecidas.
A história é rica nesse sentido, como, também, registra período - exceção, obviamente - de respeito e dignidade entre os homens, como o foi no período do grande império Tebano.
A  iniquidade, como todos sabem, acabou por vencer, saindo vitoriosa contra todos os princípios e esta praga, hoje, disseminada em todo o mundo, encontra, aqui, outra variação, tanto ou mais nefasta, qual seja, a Praga Tupiniquim, que corrói o País, suas instituições, seus princípios e valores.
Diante de sua disseminação e sem sinais de cura, buscam-se remédios de mediana posologia, como escorchar aqueles ainda não contaminados, promovendo-se "mutirões" voltados para acobertamento da doença, salvo aqueles protagonizados por alguns abnegados, ainda imunes aos efeitos e sintomas da epidemia.
Até agora ainda não se descobriu eficaz pesticida que elimine esta praga, mas há de ser encontrado, eliminando-a, de vez, da face da terra e do convívio entre os homens. O problema reside na suprema impunidade, que pode botar por terra, todo o esforço daqueles não contaminados.
Um recado para os Senhores da cafajestice:
You are not special. You are not a beautiful or unique snowflake. You are the same decaying organic matter as everything else. (anotei esta frase, mas não encontro a autoria, se alguém souber, por favor informe, para que se dê nome aos bois).
Quanto a honestidade, o seu valor, o seu custo, está na consciência de cada um.

quarta-feira, 8 de abril de 2015

Canção do Lava Jato ...

Repassando como recebido:

Paródia à música Cielito lindo:

Entraram en  mi casa,
Cagaram en mi cama,
Mijaram em mi aguardiente.
E como se non bastasse,
botaram na bunda da gente.
Ai, ai, ai, ai,
como esta doendo!
Ayuda hermano, ayuda hermano,
no estou más aguentando!

quinta-feira, 26 de março de 2015

Remoendo ...

Remoendo palavras da “inocente” quanto à corrupção, entre outras, a de que se trata de uma “velha Senhora idosa” (???), o remédio para se acabar, de vez, com essa “Senhora”, não seria nenhum pacote anticorrupção, já devidamente criticado pelos doutos, ou qualquer outra medida qualquer, mas, sim, vinculá-la ao INSS e ao tratamento médico oferecido pela rede pública de saúde. Com certeza, no avançar da idade e com suas típicas doenças, morreria em poucos dias, levando consigo todas as suas crias e o único programa de governo que deu certo, já próximo de 13 anos de absoluto sucesso: O Mais Merda

domingo, 15 de março de 2015

Impeachment ?!...

Qual a vantagem de se promover o impeachment de um troço, que representa um governo de vagabundos, corruptos que, com os seus aliados, em sinfonia e sintonia criminal, destruíram o País, suas instituições, seus valores, suas empresas, sua credibilidade, seus princípios e a economia? Quem irá assumir? O vice da República, alocado no partido dos ministérios, trocar seis por meia dúzia? E se esse, também, for defenestrado do seu cargo? Novas eleições devem ser marcadas, e serão presididas por quem? Pelo cara da Câmara, pelo cara do STF? A indignação, que também corrói minha alma, já se vai para mais de décadas. O que fazer? Começar do zero já é um começo, e do Zero se impõem várias medidas, mais do que algumas que já estão em curso ...